Arquivo de Agosto, 2011

Pelas afirmações do ministro das finanças, verifica-se não estarem em consonância com as declarações de Passos Coelho

A referência que o titular das finanças fez na sua alocução na comissão parlamentar sobre o défice da Região Autónoma da Madeira, está longe de ser consonante com as declarações que sobre a mesma matéria fez o líder do governo de visita à Espanha. Donde se pode concluir que efectivamente e mais uma vez o Continente vai ter de suportar os desvarios do líder do governo Regional da Madeira, que sendo responsável por um défice colossal ainda se permite, tal como afirmou à reportagem na praia onde se encontrava que isto é uma campanha da comunicação social, dado que se encontra em campanha eleitoral. Como se este Bokassa madeirense nos quisesse convencer que se trata duma tentativa para desacreditá-lo quando a realidade está à vista e resta saber sendo que a dívida se centra em duas grandes empresas da Ilha de obras públicas e construção civil, porque forma se chegou a tão elevado montante 500 milhões de euros, valor que vai ter de ser suportado pelos continentais aqueles que ele estupidamente se permite insultar nas suas intervenções.

Temos que impedir este governo de concretizar a sua intenção de privatizar os recursos hídricos

Desde quando podemos consentir que um recurso natural que é de todos nós venha em 2012 a pertencer a um Américo Amorim, ao Belmiro de Azevedo e porque não à filha do José Eduardo dos Santos. Não, não e não senhores governantes. Vocês não podem ir tão longe. De resto a experiência que todos nós tivemos com a infeliz ideia também vinda da vossa força política que foi a liberalização dos preços dos combustíveis, contrariamente à vantagem, diga-se idiota do seu autor, José Manuel Durão Barroso, não houve um único consumidor português que tenha sentido qualquer benefício em termos de concorrência porque ela nem sequer existe. Vamos caros amigos exigir um referendo subscrevendo uma petição à Assembleia da República do sentido de a exigir. Não acredito que haja referendada a intenção da privatização da água que os consumidores aceitem que tal aconteça. Até porque se tal acontecer a única certeza que podemos ter é a da subida imediata dos preços do metro cúbico, porque a coberto dum eventual investimento no sentido de melhorar a sua estrutura quer a nível do abastecimento e distribuição quer do tratamento da água, o grupo que se tornar dono, algo que a Constituição tão pouco sequer consente, porque ninguém individualmente ou em grupo pode ser proprietário dum bem comum como aliás é o caso. Vamos pois tentar impedir que este governo consiga concretizar esta sua intenção de em 2012, entregar a exploração dos recursos hídricos a uma entidade privada.

Não sou sportinguista por isso insuspeito na minha conclusão

Tal como refiro em título não sou sportinguista, mas sim benfiquista mas isso não me impede de analisar a arbitragem do senhor Pedro Proença o considerado fura boicote à decisão dos seus colegas não arbitrarem os jogos deste clube. Mas,  pela sua actuação e insisto em referir não sou sportinguista a disponibilidade de Pedro Proença, traduziu-se num “Epá deixem lá não se preocupem eu vou disponibilizar-me para arbitrar o jogo mas vou lixá-los”. E assim aconteceu. A grande penalidade que ficou por marcar a favor do Sporting e o golo mal anulado, são bem prova disso. Este árbitro que se disponibilizou para arbitrar a partida, pregou a partida ao Sporting prejudicando-o e assim contribuindo para a derrota deste clube. Foi vergonhosa a actuação de Pedro Proença e esta não foi inocente quanto a mim foi deliberada. Lamentável é que nada lhes acontece porque tal como aos magistrados judiciais  estes juízes de campo fazem o que querem e sobra-lhes tempo. Depois admiram-se ser objecto de agressão, por adeptos insatisfeitos com actuações destas que prejudicam significativamente os clubes.

Julgo que esta pergunta merece uma reflexão

Em toda a Europa, os governantes vão mexendo na idade da reforma para obviamente garantirem a sustentabilidade dos sistemas através dos quais são pagas as pensões de reforma e sobretudo encurtar o período desse mesmo pagamento porquanto quanto mais tarde se aposentar um trabalhar menos anos beneficiará do pagamento da sua reforma. Tem-se no entanto descurado o factor idade para todos aqueles que, na política,  ascendem a cargos públicos de elevada responsabilidade. Não me parece compreensível e urge mudar-se duma vez por todas esta regra. Ora se um trabalhador, o que não é o caso dum político que assume o exercício dum elevado cargo no seu país, mas dizia se os 65, 67 ou mesmo 68 anos como se pretende nalguns países, servem de bitola para que um trabalhador deixe de exercer a sua actividade profissional, por cansaço físico e mental, porque razão temos de aceitar ver no exercício do cargo de Presidente da República, ou outro qualquer com relevância, alguém que tem mais de 70 anos e obviamente a sua senilidade afectar o seu desempenho. Porque carga de água não se há-de estabelecer como idade limite para o exercício dum qualquer cargo político de responsabilidade a mesma que é atribuída aqueles que atingem a chamada idade da reforma.

As minhas previsões parecem confirmar-se

Também qualquer um as podia ter feito ou se calhar até houve imensa gente que também o previu. O discurso longo mas objectivo e conciso proferido pelo actual líder do PS, anuncia o final do estado de graça em que se encontrava o actual governo de coligação. A partir de agora vai ser malhar neles até ficarem malhadiços, porque como têm maioria parlamentar vão fazer ouvidos moucos a quem os acusar. Mas não serão os ataques de todos os lados de que vão ser alvo a partir de agora. A instabilidade social foi anunciada, está a ser organizada e não tardará muito ou seja no início de próximo mês de Setembro estará na rua em veementes protestos pelas políticas já anunciadas e outras que entretanto irão anunciar.

As empresas municipais, têm a morte anunciada

As empresas municipais
têm a morte anunciada
foi um esbanjar de capitais
uma verdadeira cegada

Eram sobretudo os boys do partido
que outra hipótese não tiveram
foram nessas empresas admitidos
para fazer o que nunca souberam

Mas os presidentes das autarquias
foram os maiores beneficiados
porque acumularam mais regalias
passaram a ter dois ordenados

De manhã estavam na autarquia
no exercício da presidência
à tarde como administrador exercia
funções na empresa municipalizada

Para o exercício desses dois cargos
faziam-se pois transportar
em diferente carros topo de gama
nos quais se faziam notar

 

O actual 1º. ministro, faz figura decorativa na liderança do governo

Contrariamente ao que acontecia com o seu antecessor, José Sócrates o qual estava sempre na primeira linha na orientação do seu governo e raramente permitia aos seus ministros transmitirem fosse o que fosse à comunicação social, apenas havendo um ou outro registo com um ou outro ministro de Sócrates atrever-se a dar uma informação ou emitir uma opinião pessoal sem estar ligada a uma orientação dada pelo líder do governo. Não é isso que tem acontecimento presentemente com este primeiro ministro. Chego mesmo a questionar-me se o Miguel Relvas não está,  com o seu manifesto protagonismo, não pretende substituir o líder do governo.  Mas não só. O ministro da Economia que apenas tem anunciado que futuramente vão ser tomadas medidas de contenção da despesa ainda não passou desse processo de intenção. Estamos pois perante um líder de governo que deixa ao critério de cada um dos seus ministros anunciar as suas medidas de acordo com as pastas que ocupam. Veremos se esta dispersão de medidas avulso, anunciadas a belo prazer de cada um dos ministros do governo não irá contribuir para o enfraquecimento da liderança de Passos Coelho, como de resto já se está a assistir.


Arquivos

Central Blogs

congeminações

Central Blogs

Categorias

congeminações

  • 691,542 hits

4shared

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Listed on BlogShares
Powered by BannerFans.com
Twingly BlogRank

twitter

congeminacoes

  • RT @fernando_cabral Blogger da Geórgia explica ataque ao twitter http://bit.ly/Oybo5: Fica assim provado que os russos são uns tipos porreir 7 years ago
  • não a favoreceu. Bem longe disso. 7 years ago
  • Isto por aqui está desinteressante, ninguém aborda ninguém, por falta de tema desafiante, adeus e passem muito bem 7 years ago
  • Será que a ideia de rasgar, vai contemplar o plano tecnológico, para que Portugal possa ficar, mais atrasado no resultado lógico 7 years ago
  • a compra de de tamiflu que nem sequer está aconselhado para combater esta estirpe 7 years ago

Follow me on Twitter