Por ter acabado de receber e me parecer de extrema importância a sua divulgação

Além do que já sabíamos (e há coisas de que sabemos muito pouco) vem aí mais…

 

Assunto: DAVOS/2013 E AS PERSPECTIVAS FINANCEIRAS DA CRISE

 

Para estar a par do que pode ou não vir

 Sector financeiro alerta para risco de nova crise no final de Davos


A cimeira do Fórum Económico Mundial terminou ontem, em Davos, com alertas contra o optimismo prematuro e o risco de uma réplica da crise financeira. “Os próximos dois anos vão ser decisivos para acabar com os bancos demasiado grandes para falir e para lidar com as actividades de shadow banking [operações dos bancos não sujeitas a regulação] e as operações nos mercados de derivados, que amplificaram muito a crise e vão voltar a fazê-lo se não conseguirmos implementar a nossa agenda”, avisou Mark Carney, que vai assumir a partir de Julho as funções de governador do Banco de Inglaterra.
Os receios de Carney foram confirmados pelo presidente do grupo Goldman Sachs, Gary Cohn, que alertou contra a “complacência”, avisando que uma nova bolha de crédito pode vir a rebentar em breve, caso os valores dos activos de renda fixa – como as obrigações compradas a países como Portugal ou Espanha – venham a cair devido ao optimismo existente entre os responsáveis financeiros e políticos . “Os mercados de dívida viram os yields das obrigações classificadas como lixo caírem para mínimos recorde nos últimos anos. Se as taxas de juro subirem ou os investidores começarem a retirar o seu dinheiro destes mercados para aplicar noutros locais, estes activos terão que ser reavaliados a um valor substancialmente mais baixo do que o actual”, o que levará a uma nova crise nos balanços contabilísticos das instituições bancárias, precisou Cohn. Já a agência Fitch avisou que “a corrida para obter lucro reavivou os mesmos comportamentos que vimos antes da crise de 2008”.
Optimismo geral
Mas muitos representantes do sector financeiro em Davos não pareceram preocupados com estes alertas, em particular depois de Portugal ter conseguido regressar aos mercados na semana passada com a venda de 2,5 mil milhões de euros em dívida e do último leilão de dívida do governo espanhol ter registado uma procura recorde, acima dos sete mil milhões de euros. “Os mercados estão realmente a dar sinais de que foram realizados progressos. Não estou preocupado, porque estamos cientes dos riscos”, disse Martin Seen, CEO da Zurich Insurance Group, enquanto que o CEO do Morgan Stanley, James Gorman, que ajudou a vender a dívida portuguesa, disse que as políticas monetárias actuais “não estão a criar bolhas especulativas”.
A estas afirmações, Cohn disse que “em algum ponto do futuro, os juros vão subir, e muito do dinheiro que foi para as obrigações nos últimos três anos vai sair. E quando isso acontecer, vamos estar lá para tentar dar liquidez aos nossos clientes, mas a verdade é que não poderemos dar conta do recado sozinhos”.
Justamente por causa deste problema iminente de liquidez da banca global, a directora-geral do FMI, Cristine Lagarde – que estava ao lado de Carney quando este emitiu o aviso – avisou o BCE de que tem que manter em aberto todos os instrumentos de política monetária, de modo a precaver-se contra o pior. “As ferramentas têm que estar operacionais. Não quero dizer que têm que ser usadas (…) mas elas têm que estar operacionais, porque existe o risco de uma recaída”, notou Lagarde. Para minimizar o perigo, a directora do FMI apelou a todos os países, em particular os da zona euro, para continuarem com as reformas estruturais e avançarem com a união bancária e orçamental. “2013 não vai ser um passeio no parque”, avisou.
Mark Carney
Futuro governador do BCE
“A crise de 2008 será repetida se as actividades financeiras não reguladas – que amplificaram em muito as consequências da crise – não forem controladas”.
Gary Cohn
Presidente do Goldman Sachs
“Muitos bancos têm planos para vender os activos de risco em caso de perigo. Mas não tenho a certeza que esse capital consiga voltar ao mercado de modo suficientemente rápido se todos começarem a vender ao mesmo tempo”.

 
 

0 Responses to “Por ter acabado de receber e me parecer de extrema importância a sua divulgação”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Arquivos

Central Blogs

congeminações

Central Blogs

Categorias

congeminações

  • 695,847 hits

Comentários Recentes

LouannEmoro em A doença do foro oncológico é…

4shared

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Listed on BlogShares
Powered by BannerFans.com
Twingly BlogRank

twitter

congeminacoes

Follow me on Twitter


%d bloggers like this: