O meu aplauso para este artigo de opinião de Pedro Tadeu publicado no DN

O Governo grita: “Este país é só para velhos”

por PEDRO TADEU Hoje

Trataram de aumentar os impostos de quem trabalha, investe e consome. Levaram patrões à falência ou a despedir milhares de trabalhadores. Cancelaram dezenas de milhares de contratos com funcionários sem vínculo ao Estado.

Mudaram as regras do subsídio de desemprego e diminuíram os apoios sociais. Convidaram os jovens, que educámos superiormente com os nossos impostos, a emigrar. O PIB, a riqueza produzida no País, caiu. A sociedade entra em incumprimento crónico: o número dos que não podem pagar os seus empréstimos à banca dispara.

Os impostos recolhidos diminuíram, apesar de toda aquela arquitetura, medida pelos génios da finança a quem entregámos os planos da nação, desenhar o efeito contrário.

As pazadas de subsídios de desemprego (mesmo diminuídos) agravaram o problema: o Estado não consegue pagar a dívida, nem os respetivos juros. O défice não desce para os níveis pretendidos.

Lançaram, entretanto, uma nova palavra de ordem: exportemos! Mas a Europa e o resto do mundo não estão particularmente consumistas… As vendas externas do País aumentaram, é verdade, mas uma parte é uma espécie de revenda de importações, outra baseia-se em atividades que empregam poucos trabalhadores. A soma de receitas assim criada parece uma gota de água optimista lançada num oceano depressivo.

Fingiram que atacaram as despesas funestas com as PPP, iludiram o problema das rendas excessivas na energia e voltaram ao mesmo: impostos, taxas, leis para viabilizar mais despedimentos na função pública e um ataque sistemático às pensões dos reformados, com os aposentados do Estado a serem moralmente acusados de “privilegiados” em relação ao sector privado para ver se, sob tal suspeita, aceitam sem protesto o roubo que se prepara.

Veio uma nova ideia: trazer estrangeiros ricos para Portugal. Anuncia-se um Golden Visa que dá cidadania europeia, liberdade dentro de espaço Schengen, a troco de 500 mil euros metidos na compra de uma propriedade. A banca agradece mas, desconfio, a Polícia Judiciária vai andar aflita com os novos inquilinos… E, cereja em cima do bolo, aplica-se isenção fiscal, durante dez anos, às pensões dos estrangeiros aposentados que queiram vir viver para Portugal.

Já imagino as mães da minha geração, com as suas recentes reformas diminuídas, a vestirem avental e toucas brancas, rendilhadas, para servir chá em part-time a uma matrona inglesa que alugou, com a sua pensão, uma casa na Lapa… Serão os novos empregos do futuro.

Depois de terem corrido com os jovens decidem, falidos e sem ideias, gritar ao mundo: “Este país é só para velhos.”

 

0 Responses to “O meu aplauso para este artigo de opinião de Pedro Tadeu publicado no DN”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Arquivos

Central Blogs

congeminações

Central Blogs

Categorias

congeminações

  • 695,931 hits

Comentários Recentes

LouannEmoro em A doença do foro oncológico é…

4shared

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Listed on BlogShares
Powered by BannerFans.com
Twingly BlogRank

twitter

congeminacoes

Follow me on Twitter


%d bloggers like this: