Já foi dito e redito que a culpa da crise foi de quem tem governado Portugal e sobretudo o poder financeiro a que os governantes se têm submetido

Esta é a realidade do nosso país e de resto o que igualmente aconteceu nos outros em dificuldade.  Má utilização dos dinheiros comunitários que ao invés de serem aplicados no desenvolvimento do País foram-no em obras vultuosas hoje reconhecidamente desnecessárias e isto porque os vários milhões de euros utilizados nas suas adjudicações serviram para elementos menos sérios da administração beneficiarem também por se deixarem facilmente subornar por haver muito quem goste de viver acima das suas possibilidades. Os banqueiros ávidos do lucro fácil proporcionaram a quem tinha condições financeiras para respeitar os seus compromissos de crédito e a outros que nem por isso concessões de crédito bancário muito do qual resultou em mal parado. Não obstante isso como a sua avidez pelo lucro é incontida os bancos investiram internacionalmente naquilo que mais tarde se converteu em activos tóxicos e muitos deles faliram e aqueles em que tal não aconteceu ficaram em situação financeira muito comprometida. E como os governos quer de Portugal quer dos outros países europeus se colocam sempre ao serviço do grande capital, como preocupação primeira trataram imediatamente de injectar elevadas quantias ou seja milhares de milhões de euros para que estes pusessem de novo a economia a funcionar. Mas para o fazer os governos e sobretudo este,  que já revelou não ter condições para continuar a gerir o destino do país por manifesta incompetência e falta de preparação dos seus membros, teve de comprar dinheiro ao estrangeiro endividando o país duma forma absolutamente astronómica, incapaz de se poder algum dia solver. Para tentar soluccionar isso, ou seja cumprir com os compromissos firmados pelos credores, este governo de incompetentes não teve dúvidas em escolher o caminho mais fácil. Continuar a sacrificar os cidadãos de menos recursos empurrando para eles o ônus da culpa pela crise, argumento que infelizmente consegue convencer a imbecilidade lusa que os apoia. As medidas constantes do orçamento no tocante aos cortes de pensões e ordenados são em si mesmo uma manifesta violação da Constituição e apesar de estes incompetentes governativos irem hoje aprovar o orçamento de Estado que tal prevê, posteriormente os juízes do Tribunal Constitucional no cumprimento do papel a que estão obrigados, vão obviamente chumbar estas medidas, obrigando o governo a restituir os valores que forem retidos aos beneficiários das reformas e reposição do valor dos ordenados que forem objecto de desconto. Acontecerá mais uma vez, porque estando nós na presença dum governo manifestamente incompetentes, o não cumprimento das metas estabelecidas com os nossos credores tudo isto porque se insiste em soluções que felizmente para os cidadãos estão salvaguardadas em termos dos direitos pela Constituição. E não adiante os opinadores do costume César das Neves e Camilo Lourença, virem com a afirmação de que “não vale a pena invocar direitos salvaguardados pela Constituição” se o país não tem dinheiro.  Que não tem dinheiro para certos fins, sabemos todos, mas tem tido dinheiro para injectar na Banca e a responsabilidade pelo seu pagamento e dos elevados juros é remetida para todos aqueles que usufruem rendimento do seu trabalho.

0 Responses to “Já foi dito e redito que a culpa da crise foi de quem tem governado Portugal e sobretudo o poder financeiro a que os governantes se têm submetido”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Arquivos

Central Blogs

congeminações

Central Blogs

Categorias

congeminações

  • 692,186 hits

4shared

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Listed on BlogShares
Powered by BannerFans.com
Twingly BlogRank

twitter

congeminacoes

  • RT @fernando_cabral Blogger da Geórgia explica ataque ao twitter http://bit.ly/Oybo5: Fica assim provado que os russos são uns tipos porreir 7 years ago
  • não a favoreceu. Bem longe disso. 7 years ago
  • Isto por aqui está desinteressante, ninguém aborda ninguém, por falta de tema desafiante, adeus e passem muito bem 7 years ago
  • Será que a ideia de rasgar, vai contemplar o plano tecnológico, para que Portugal possa ficar, mais atrasado no resultado lógico 7 years ago
  • a compra de de tamiflu que nem sequer está aconselhado para combater esta estirpe 7 years ago

Follow me on Twitter


%d bloggers like this: