É mais que notório o medo que os críticos de facção direitista manifestam face à vontade de António Costa assumir a liderança do partido socialista

Ele são os comentários expressos nos jornais, nas televisões e nas rádios. E a motivo é só um. Se a liderança se mantivesse nas mãos do António José Seguro e face ás sondagens haveria uma possibilidade de a actual coligação governamental pudesse ganhar as eleições legislativas ou no caso duma vitória escassa do PS o senhor de Belém votar a convidar a coligação para formar governo dado que António José Seguro jamais faria uma coligação com partidos da extrema esquerda. O sábio Henrique Monteiro no seu artigo de opinião refere que o PS com António Costa a liderá-lo o eleitorado do centro que, normalmente ou vota PSD ou vota PS, não escolherá votar no tido como esquerdista o autarca de Lisboa. Confesso que esta leitura do sábio Henrique Monteiro me deixa perplexo porquanto o mesmo ignora o facto de muitas dessas pessoas que constituem o eleitorado do centro foram altamente penalizadas pelo actual governo e não lhes perdoaram por isso. Para além disso se António Costa assumir a liderança do partido e ainda que segundo o Henrique Monteiro a margem que determinará a vitória do PS nas legislativas ser mínima, António Costa obviamente que não fará nem alianças do o PCP nem com o BE que já se demarcou dessa possibilidade, embora este partido nas próximas legislativas venha a ser ultrapassado pelo recém formado “Livre”. Até porque com António Costa na liderança do partido os chamados eleitores flutuantes das esquerda, alguns dos quais votaram nas eleições europeias na CDU, irão votar no PS tal como outros que votaram no BE, cujo resultado vai ser catastrófico por culpa exclusiva das posições que a sua direcção tem assumido. Portanto o sábio Henrique Monteiro está completamente errado na sua leitura relativamente ao resultado que advirá da troca de liderança no partido socialista. Mas é compreensível toda esta preocupação de diversos comentadores da nossa praça com manifesta colagem aos partidos da direita esta inesperada notícia de António Costa querer assumir a liderança do partido e por isso já iniciaram a sua campanha no sentido de intoxicarem os eleitores mais vulneráveis a este tipo de acções que visam denegrir uns favorecendo aqueles cujo apoio está bem patente no seu conteúdo. Uns como sempre embarcarão no logro habitual outros mais atentos não o farão.

1 Response to “É mais que notório o medo que os críticos de facção direitista manifestam face à vontade de António Costa assumir a liderança do partido socialista”


  1. 1 maceta Junho 11, 2014 às 10:25 pm

    Raul

    estava a achar que para sábio o Monteiro tem que cavalgar muito
    abraço e saúde


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Arquivos

Central Blogs

congeminações

Central Blogs

Categorias

congeminações

  • 693,439 hits

4shared

Top Clicks

  • Nenhum
Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Listed on BlogShares
Powered by BannerFans.com
Twingly BlogRank

twitter

congeminacoes

Follow me on Twitter


%d bloggers like this: