O facto político mais relevante ocorrido este ano foi a prisão de José Sócrates

E por mais que o instrumento utilizado nos queira provar que apenas e só se tratou de aplicar ao cidadão José Sócrates uma pena de prisão preventiva semelhante aquela que á habitualmente aplicada a qualquer outro cidadão, o argumento não colhe. E há medida que vão surgindo na comunicação social novos dadas tidos como elementos do processo de investigação isto numa manifesta violação do segredo de justiça, os magistrados que conduzem a investigação coartam ao advogado de defesa de Sócrates o acesso a todos os documentos que constam do processo para que este assim pudesse basear o recurso a interpor para defesa do seu cliente. Não são necessários muitos mais factos para demonstrar que a prisão de José Sócrates se tratou duma prisão meramente política porque era urgente e necessário travar a subida do PS nas intenções de voto que antes deste acontecimento, já apontava para uma possibilidade de uma maioria absoluta na vitória a averbar nas próximas legislativas. E não necessitamos de recuar no tempo muitos anos para constatar que se repetiu nem mais nem menos do que a mesma acção protagonizada por Rui Teixeira no processo da Casa Pia quando surgiram nos jornais informações de que o então secretário geral do PS, Ferro Rodrigues também estava implicado neste processo. Este golpe palaciano protagonizado pela direita através da comunicação social, surtiu de imediato o efeito desejado porque na altura também o PS nas sondagens se apresentava à beira de vencer as legislativas com maioria absoluta, Obviamente que não está causa se José Sócrates cometeu ilícitos ou não e se efectivamente os cometeu e existem provas para o incriminar deve responder por isso e ser condenado como se de qualquer outro cidadão se tratasse. A forma como foi detido é em si mesmo a demonstração de que este acto foi político e a justiça prestou-se a fazer mais uma vez tal como no processo da Casa Pia um favor ao governo e sobretudo aos partidos que dele fazem parte. Isso é um facto de que qualquer cidadão um pouco mais atento não terá dúvidas de concluir que este foi o facto político mais relevante ocorrido neste ano e sob o patrocínio da justiça. Obviamente que este acontecimento tal como outros que anteriormente ocorreram não contribuem em nada para restituir à justiça a credibilidade que deveria ser merecedora, por isso se encontrar num absoluto descrédito.

0 Responses to “O facto político mais relevante ocorrido este ano foi a prisão de José Sócrates”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Arquivos

Central Blogs

congeminações

Central Blogs

Categorias

congeminações

  • 694,052 hits

4shared

Top Clicks

  • Nenhum
Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Listed on BlogShares
Powered by BannerFans.com
Twingly BlogRank

twitter

congeminacoes

Follow me on Twitter


%d bloggers like this: