Responsabilizar Mário Soares de culpado da pior descolonização que houve memória na história é duma ignorância absoluta

Temos dois partidos bastiões da demo9cracia em Portugal e o resto é pura paisagem. São eles o Partido Comunista Português, com o seu líder carismático Álvaro Cunhal e o PS fundado pelo recém desaparecido líder Mário Soares. Já por diversas vezes abordei este tema de que Mário Soares, apesar de ter sido quem conduziu as negociações com os movimentos de libertação das ex-colónias foi o único não culpado do desastre em que se traduziu a descolonização, sobretudo de Angola, uma vez que quer em Moçambique quer na Guiné os únicos movimentos de guerrilha foram, respectivamente a FRELIMO e o PAIGC, que, curiosamente apesar de se designar como um movimento para a libertação da Guiné e Cabo Verde, neste território nunca ter havida sublevação nem luta armada para a conquista da sua independência, tal como de resto aconteceu em São Tomé e Príncipe em que oportunisticamente se apresentou este partido como bastião da defesa da independência, dum território que foi povoado por presidiários oriundos de Angola, uma vez que qualquer uma dessas duas ilhas, antes disso acontecer só tinha palmeiras, coqueiros e símios a povoá-las. A descolonização das ex-colónias portuguesas contrariamente ao que muito gente pensa por pura ignorância, não foi da responsabilidade de Mário Soares mas sim dos militares que antes fizeram três e quatro comissões no ex-Ultramar e que alguns deles se arvorarem em comunistas e por esse razão tudo fizeram no caso de Angola para que o poder tivesse sido entregue ao MPLA, apesar deste ser o único movimento que desde l979, tinha deixado de ter acções de guerrilha em Angola, quer contra o exercito português, quer contra as populações civis indefesas. Obviamente que Mário Soares apesar de ter sido o promotor da assinatura do Acordo de Alvor com os três movimento de guerrilha em Angola, o MPLA, a FNLA e aq UNITA, este acordo não foi respeitado e essa responsabilidade coube exclusivamente o então conhecido almirante vermelho Rosa Coutinho que inclusivamente ordenou a que a tropa portuguesa passasse a pente fino na cidade de Luanda prédio a prédio apartamento a apartamento ou vivenda a ser objecto de verificação de existência ou não de armas de fogo. Ouvir como ouvi à pouco em reposição a Clara Ferreira Alves afirmar que não houve descolonizações exemplares é escamotear a verdade porquanto sendo Portugal o último país colonizador a descolonizar fez a pior descolonização de que há memória na história porque foi toda ela abruptamente realizada, sem respeito pelas pessoas e seus bens, mas toda a culpa deve ser imputada a alguns majores ditos posteriormente generais que apesar de terem feito várias comissão no Ultramar no tempo de regime fascista terem virado comunistas.

0 Responses to “Responsabilizar Mário Soares de culpado da pior descolonização que houve memória na história é duma ignorância absoluta”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




Arquivos

Central Blogs

congeminações

Central Blogs

Categorias

congeminações

  • 696,331 hits

Comentários Recentes

LouannEmoro em A doença do foro oncológico é…

4shared

Estou no blog.com.pt - comunidade de bloggers em língua portuguesa
Listed on BlogShares
Powered by BannerFans.com
Twingly BlogRank

twitter

congeminacoes

Follow me on Twitter


%d bloggers like this: